Gramsci entre dois mundos: política e tradução

Autor: Alvaro Bianchi
Revisão: Tarsila Lucena
Capa e diagramação: Sobinfluencia
Páginas: 360
ISBN: 978-65-87233-35-2

R$60.00

Categoria:

Sobre o autor

Alvaro Bianchi

Alvaro Bianchi é professor livre-docente do Departamento de Ciência Política da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Membro do Comitê de Coordenação da International Gramsci Society, do corpo editorial dos periódicos Outubro e International Gramsci Journal e do Comitê Científico das coleções Marx 21 (editora da Unicamp) e Per Gramsci (International Gramsci Society e Centro interuniversitario di ricerca per gli studi gramsciani).

Antonio Gramsci morreu em 1937, depois de passar mais de dez anos nos cárceres do fascismo. Perante o tribunal que o condenou, o procurador fascista responsável pela acusação exclamou: “É preciso impedir este cérebro de funcionar por vinte anos”. Apesar disso, o prisioneiro continuou seu trabalho intelectual e político na prisão. Sua obra, composta de artigos para a imprensa comunista, documentos partidários e dos enigmáticos cadernos de anotações que redigiu na prisão revelou-se com o tempo rica de significados para interpretar a crise da sociedade contemporânea e estimular movimentos de emancipação. Traduzido mundialmente, esse rico pensamento assumiu contornos particulares nos diferentes contextos nacionais. Na América Latina, Gramsci nos ajudou a imaginar novas estratégias para o socialismo e foi abraçado por partidos de esquerda e movimentos sociais. Sua presença se fez notar e tornou-se o inimigo número um da extrema direita, acusado de promover uma “guerra cultural”. Neste novo livro, o professor de ciência política da Unicamp, Alvaro Bianchi, investiga esses diferentes mundos nos quais o pensamento gramsciano circulou, como um rastilho de pólvora, incendiando o pensamento crítico.

A realidade está cheia das combinações mais bizarras e é o teórico que deve encontrar a prova de sua teoria nestas bizarrices, “traduzir” os elementos da vida histórica em linguagem teórica, e não vice-versa, a realidade apresentar-se de acordo com o esquema abstrato.
(Gramsci, Q 3, § 38, p. 332).

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Gramsci entre dois mundos: política e tradução”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *