Oferta!

Capitalismo canibal: como nosso sistema está devorando a nossa democracia, o cuidado e o planeta e o que podemos fazer a respeito disso

Autora: Nancy Fraser
Capa: Rodrigo Correia
Tradução: Aline Scátola
Revisão: Monise Martinez
ISBN: 978-65-5497-004-4
Páginas: 260
Ano: 2024
PRÉ-VENDA / O LIVRO SERÁ ENVIADO ATÉ ABRIL

R$63.92

SKU: 978-65-5497-004-4 Categorias: , Tag:

Sobre o autor

Nancy Fraser

Nancy Fraser (Baltimore, 20 de maio de 1947) estudou Filosofia na City University of New York. É titular da cátedra Henry A. and Louise Loeb de Ciências Políticas e Sociais da New School University, também em Nova York. Coescreveu o manifesto Feminismo para os 99% (Boitempo 2019), e é autora, entre outros, de Fortunes of Feminism: From State-Managed Capitalism to Neoliberal Crisis (Verso, 2013) e Capitalism: A Conversation in Critical Theory (Polity, 2018). Grande apoiadora da Greve Internacional das Mulheres, cunhou a frase “feminismo para os 99%”.

O capital está destruindo todas as esferas da vida, consumindo a riqueza da natureza, aprofundando o racismo, sugando a nossa capacidade de cuidar uns dos outros e destruindo a prática política. Nesta análise deslumbrante, a importante teórica Nancy Fraser descreve como o apetite voraz do capital está destruindo o planeta, desenvolvendo uma teoria do “capitalismo do século XXI”. Com muitos detalhes, Fraser apresenta uma noção ampliada do capital como uma forma de sociedade e revela os ingredientes extra-econômicos que possibilitam a sua expansão.

Canibalizando áreas inteiras e formas de riqueza que são condições prévias essenciais para o desenvolvimento e funcionamento do capitalismo – como riquezas expropriadas da natureza (ar respirável, terras aráveis e água potável) e dos povos subjugados; múltiplas formas de cuidado, subvalorizadas (se não totalmente negadas) e geralmente realizadas por mulheres; bens e poderes públicos que fornecem infra-estruturas materiais e jurídicas de que o capital necessita para funcionar – nosso sistema devora a democracia, o cuidado e o planeta constituindo uma série de conflitos que até agora pareciam estar isolados. Se quisermos acabar com o capitalismo canibal, temos de superar o reducionismo econômico e construir uma visão ampliada do socialismo, sem repetir as experiências que falharam no século XX. Pode parecer uma tarefa difícil, mas é a nossa única esperança. Essa agenda e o seu roteiro são a alma deste livro que já nasce urgente e essencial.


 

“Nancy Fraser é uma lendária filósofa radical que vem da melhor tradição marxista e feminista, mas cujo abraço genuíno e compreensão profunda dos movimentos negros, ecológicos, de imigrantes e de liberdade sexual fazem dela uma figura única na cena contemporânea! O livro Capitalismo Canibal não é apenas uma pérola rara – é uma obra que já nasce clássica para compreendermos os tempos sombrios em que vivemos!”
– Cornel West, autor de Questão de raça

“Nancy Fraser revela como a opressão de gênero, a dominação racial e a destruição ecológica não são acidentais dentro do capitalismo, pois estão estruturalmente incorporadas e naturalizadas nele.”
– Rhoda Feng, The Nation

“Uma síntese brilhante das muitas contribuições pioneiras de Nancy Fraser para uma teoria marxista do capitalismo no século XXI.”
– Wolfgang Streeck, autor de Tempo comprado: a crise adiada do capitalismo democrático

“Nancy Fraser produziu a teoria mais cirúrgica do capitalismo da nossa época – capitalismo não no sentido estritamente econômico, mas capitalismo no sentido de um um sistema onívoro que não consegue parar de devorar tudo à sua volta, destruindo a vida das pessoas e da natureza. Esta é a teoria marxista que precisamos para compreender a era de crise que vivemos – para, esperemos, fazer um acerto de contas.”
– Andreas Malm, autor de How to Blow Up a Pipeline

“Deveria servir para lembrar que o capitalismo continua a ser um destruidor dos cuidados e chegou a uma situação insustentável.”
– Rachel Andrews, Best Books 2022

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Capitalismo canibal: como nosso sistema está devorando a nossa democracia, o cuidado e o planeta e o que podemos fazer a respeito disso”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *